Pingo Final: A disputa pela presidência da Câmara Federal

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2015 14h15

Meu pingo final vai para a disputa pela presidência da Câmara. Lideranças tucanas como o presidente do partido senador Aécio Neves (MG), senador José Serra (SP) e até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso defendem que os deputados do PSDB mantém o seu compromisso com Júlio Delgado, do PSB (MG), que disputa o cargo com Arlindo Chinaglia (PT-SP) e Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Em razão das gestões de Cunha, havia um movimento de migração precoce dos votos tucanos para o PMDBista já no primeiro turno. Tudo indica que Cunha e Chinaglia disputarão o segundo turno e aí sim haverá uma migração natural dos votos tucanos para o candidato do PMDB.

Quanto mais não seja, porque é o deputado petista o homem do Planalto nessa disputa. Aplicar uma derrota ao governo, é sim parte legítima desse jogo. Nos bastidores, os petistas afirmam que não querem Cunha na presidência da Câmara em razão de seus métodos.

Não me digam! Os petistas agora decidiram virar professores de educação moral e cívica. Há um limite para o ridículo. Por que eles não vão dar aula na Petrobras?