Renda-se ao encanto de viagens mais econômicas

  • Por Jovem Pan
  • 29/09/2015 19h48
Centro comercial no Canal de Veneza causa polêmica

Olá ouvintes de Minuto Turismo!

Hoje, com o dólar e o euro nas alturas e o aprofundamento da crise econômica no Brasil, faz todo o sentido pensar em viagens mais curtas e concentradas.

Antigamente, até o início dos anos 1980, quando as viagens eram ainda mais caras e raras do que hoje, era comum as pessoas fazerem apenas uma viagem na vida para a Europa.

E essas viagens visitavam três ou mais cidades, por exemplo Londres, Roma e Paris num mesmo pacote.

Esse conceito de Circuitos Europeus volta a fazer todo o sentido em nossos dias, quando as viagens mais concentradas voltam à moda.

Assim, visitar Portugal e Espanha, países vizinhos um do outro, num único roteiro, faz todo o sentido, dando uma geral na Península Ibéria que tanto nos diz respeito e onde temos raízes profundas.

Outro giro interessante, pode incluir cidades do norte Itália –como Milão, Veneza e Verona– e invereda pelos Alpes suíços, por exemplo.

Há quem prefira fazer uma viagem mais longa, colocando em linha roteiros que exploram na França diversas cidades e regiões, como Paris, Bordeaux e os castelos Vale do Loire, e depois segue por cidades da Suíça, caso de Zurique e Lucerna.

E tem ainda quem, numa única viagem, escolha girar por Londres e pelos Países Baixos –visitando Bruges, Bruxelas e Amsterdã.

Os roteiros são muitos e são mágicos.

Têm em comum o fato do viajante explorar regiões contíguas, seja num delicioso on the road de carro ou de ônibus, num trem europeu ou em viagens curtas de avião.

E você, vai planejar e se render aos encantos de viagens mais econômicas que fazem circuitos mais focaddos em regiões determinadas da Europa?

Ou vai esperar a crise piorar?