Suíça, um país europeu diminuto e arrebatador

  • Por Jovem Pan
  • 04/11/2015 18h01
Criança brinca no inverno de Lausanne

Olá ouvintes de Minuto Turismo, meu nome é Silvio Cioffi e hoje vamos explorar a Suíça, um país europeu diminuto e cênico em que os maciços montanhosos dos Alpes e do Jura ocupam 3/5 do território.

Potência mundial, famosa pelos relógios, instrumentos de precisão, joias, pelos queijos e chocolates, a Suíça tem apenas 41.285 km2, que é aproxidamente a área da ilha de Marajó no Brasil, mas legou ao mundo 21 Prêmios Nobel.

Com uma população de 7,3 milhões de habitantes, a Suíça é arrebatadora e tem cidades ancestrais, como Genebra, Zurique, Montreaux e Basiléia, além de vales férteis, grandes lagos e rios.

Não importa se no verão ou no inverno, o turismo esportivo e o luxo, que lá está por toda a parte, também se fundem na alpina St. Moritz.

Considerada a 23a. maior economia do mundo, a Suíça adota, nos diferentes cantões, quatro línguas oficiais: o francês, o alemão, o italiano e o romanche, que até se parece com o nosso português.

Mas você pode falar inglês por todas as partes: país educado que reúne sofisticados destinos urbanos e cenários de aventura, a Suíça tem um sofisticado sistema de transporte que alterna ferrovias panorâmicas e auto-estradas, a Suíça anda de bonde com a mesma desenvoltura de quem explora a natureza. Por lá, há ao menos 48 montanhas com picos que, eternamente nevados, pairam a mais de 4.000 metros de altitude!