Taiwan guarda as artes e tradições de toda a China

  • Por Jovem Pan
  • 16/11/2015 20h59

Dezenas de voluntários limpam 15 mil estátuas de BudaTaiwan Buda

Olá ouvintes de Minuto Turismo, meu nome é Silvio Cioffi e hoje vamos falar de Taiwan, que fica numa ilha próximo da China continental que, já no século 16, os portugueses chamaram de ilha Formosa.

Taiwan, cuja capital é Taipé, guarda as artes e tradições de toda a China, com quem, ao longo de sua história recente, teve fases de tensão política e de entendimento.

Agora mesmo, você deve ter lido nos jornais, as relações são muito boas.

Mas o fato é que, depois de 1949, quando o líder nacionalista Chiang Kaishek perdeu a batalha contra os comunistas chineses liderados por Mao Tsetung, os nacionalistas foram para Taiwan, que virou uma espécie de mini-China.

E assim Taipé, que recebeu chineses de diferentes culturas e regiões, é uma metrópole cheia de curiosidades.

Tem atrações como o inigualável Museu Nacional Palácio, em cujo acervo estão guardados tesouros imperiais da Cidade Proibida.

E também é sede de um dos prédios mais altos do mundo, o contemporâneo 101, nome que os locais falam inglês: “one-O-one”.

No topo dessa torre 101, há um observatório de onde, nos dias claros, dá para ver em detalhe o estreito de Taiwan e a própria China.

Entre os templos religiosos tradicionais, o de Lung-shan, edificado originalmente em 1738, é o mais importante.

Em Taipé, há ainda restaurantes simples que são reverenciados como templos, pois a ilha logo virou guardiã de tradições culinárias da China –e do Japão também, pois os japoneses ocuparam a ilha por cinco décadas até a chegada nos nacionalistas chineses.

E há mercados noturnos, onde se vende de tudo até altas horas, inclusive o típico omelete feito na hora, com ostras.

Aliás, em Taipé, quando se encontra um conhecido, ao invés do “como vai?”, a pergunta, que soa como “chirfan le mai iô?”, quer pode ser traduzida como “você já comeu?”

Há muitos hotéis de luxo em Taiwan –e o mais bonito e tradicional é o Grand Hotel, nos limites do centro da capital.

Muito próximo do Grand Hotel, o Museu de Belas Artes tem 24 galerias e exibe esculturas contemporâneas.

E você, já pensou em conhecer a Ásia e, só para não perder a viagem, fazer uma escala made in Taiwan?