PSDB realiza convenções estaduais: o que vem a partir daí?

  • Por Jovem Pan
  • 13/11/2017 19h45 - Atualizado em 07/12/2017 19h05
Rovena Rosa / Agência BrasilO governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, foi aclamado como pré-candidato à presidência da Repúblic

Geraldo Alckmin é o nome da vez no PSDB. E a convenção estadual do partido confirmou isso, no fim de semana.

O governador de São Paulo foi aclamado como pré-candidato à presidência da República. Ouviu pedidos também para assumir a presidência interna da legenda. Pedido de gente importante, como o ex-senador José Aníbal e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Destaque também para José Serra, que se colocou de vez na disputa pelo governo do estado, e para o deputado Pedro Tobias, que foi reeleito presidente do partido em São Paulo.

O prefeito João Doria teve uma breve passagem pelo evento. Aécio Neves participou da convenção em Belo Horizonte. Na capital paulista, os gritos eram de “Fora Aécio”.

No 3 em 1 desta segunda-feira, 13, Patrick Santos mediou debate entre Vera Magalhães, Carlos Andreazza e Marcelo Madureira, que discutiram sobre o assunto.

Vera destacou o desgaste e rejeição sofridos por Aécio. Andreazza concordou e disse que o crescimento de Alckmin está ligado diretamente à queda do senador mineiro. Madureira fez críticas a Aécio e afirmou que ele faz com que o PSDB pareça a antiga Arena.