‘Se Bolsonaro perder, vão fazer de tudo para prendê-lo’, diz Constantino sobre ameaças de Lula

Comentaristas do programa 3 em 1, da Jovem Pan, analisaram a manifestação do pré-candidato petista que alegou medo por parte do presidente da República em não se reeleger e ser condenado

  • Por Jovem Pan
  • 10/05/2022 17h50
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO Ex-presidente Lula discursa em ato Pré-candidato, Lula (PT) lidera as pesquisas de intenção de voto para as eleições presidenciais de 2022

Duas pesquisas de intenções de voto para a eleição que definirá o próximo presidente da República foram divulgadas nesta terça-feira, 10. Em parceria, o instituto XP-Ipespe revelou em seu estudo que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera a corrida eleitoral e é o pré-candidato preferido de 44% dos eleitores. Caso as eleições fossem hoje, o atual mandatário, Jair Bolsonaro (PL), teria 31% dos votos válidos. Ciro Gomes (PDT) e João Doria (PSDB) aparecem em terceiro e quarto lugar com 8% e 3% das intenções de voto, respectivamente. Já pesquisa do grupo CNT/MDA mostra Lula com 40% e Bolsonaro com 32% dos votos válidos neste momento. Ciro Gomes, 7%, e João Doria, 3%, completam a lista dos presidenciáveis que disputarão a corrida ao Planalto. Ao cumprir agenda em Belo Horizonte (MG), Lula disparou contra Bolsonaro e afirmou que o mandatário desconfia das urnas pois tem medo de perder as eleições e ser preso. “Seus dias estão contados”, alegou o petista.

Durante sua participação no programa 3 em 1, da Jovem Pan, o comentarista Rodrigo Constantino afirmou que a fala de Lula deve ser levada como um “alerta”, pois o presidenciável tem “influência Suprema nesse país”. “É um alerta crível que faz Lula pois ele sabe o que fala, o sistema judiciário está bastante tomado”, afirmou. O analista disse também que “vão fazer de tudo para prender Bolsonaro” caso o chefe do Executivo não consiga se reeleger. “[José] Dirceu dizia que perder a eleição não quer dizer que perder o poder e ai está uma boa evidência disso. Se Bolsonaro perder as eleições paras as urnas, acho que o destino dele é esse mesmo”, argumentou.

Confira o programa desta terça-feira, 10:

https://www.youtube.com/watch?v=NbNGGmHXrPI