Alvo da Lava Jato, Jucá elogia escolha de Fachin como relator no Supremo

  • Por Jovem Pan
  • 03/02/2017 06h16
Romero Jucá - PMDB-RR - ASENADO

Um dos principais alvos da Operação Lava Jato, o presidente nacional do PMDB, senador Romero Jucá, elogiou a escolha do ministro Edson Fachin para a relatoria do caso no Supremo Tribunal Federal.

Fachin foi escolhido através de sorteio na tarde desta quinta-feira (02). Com isso, ele irá investigar, além de Jucá, Renan Calheiros e outros senadores como Valdir Raupp e Edison Lobão.

Após a sessão de abertura do Congresso nacional, Jucá destacou a semelhança de perfil de Fachin ao de Teori Zavascki: “considero uma excelente solução. Ele tem uma postura de discrição equivalente ao do ministro Teori. Eu diria que a investigação está em ótimas mãos”.

Os peemedebistas reagiram de forma positiva à escolha. O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou que o Palácio do Planalto aprovou o nome. “Trata-se de um ministro da mais alta qualificação”, disse.

Jucá protocolou no Senado um projeto de lei vetando o sigilo sobre processos em investigações que envolvam políticos e agentes públicos, como é o caso da Lava Jato.

*Informações do repórter Levy Guimarães