Após estupros no Ibirapuera, prefeitura vai dobrar o número de seguranças noturnos

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2016 12h19
Parque Ibirapuera

 Os policiais do 36º Distrito Policial vão ouvir nesta semana as vítimas de 16 e 18 anos que foram estupradas no domingo (17/01), quando foi realizado um encontro com jovens na marquise do Parque Ibirapuera. Segundo a Guarda Civil Metropolitana, mais de 12 mil pessoas participaram de um chamado “rolezinho” não oficial. As duas ocorrências foram registradas inicialmente no plantão do 27º distrito, na região do Campo Belo.

Na segunda-feira (18/01), os casos foram transferidos para a jurisdição da Vila Mariana, na região central, e serão investigados em dois inquéritos policiais. O presidente da entidade responsável por organizar os chamados rolezinhos com a Prefeitura de São Paulo estava no parque durante o domingo. Darlan Mendes, da “Associação Rolezinho a Voz do Brasil”, lamenta o episódio e confirma o consumo de bebida alcoólica pelos adolescentes: “Lamentamos muito pelo que aconteceu, os dois atos de violência sexual. O consumo de álcool ali colaborou muito e a menina de 16 anos tinha consumido álcool com o rapaz antes do estupro dela. Sobre a outra, não temos muitas informações, só que ela tem 18 anos. Eles bebem o dia inteiro, sem comer nada e acabam passando mal”. O representante da organização disse que o efetivo de guardas não foi suficiente o bastante para a fiscalização.

A estimativa dele é que cerca de 50 agentes tenham circulado pela marquise ao longo do evento. Em nota, a Prefeitura de São Paulo informou que o espaço chegou a receber cerca de 70 mil pessoas no horário de pico da tarde. O prefeito Fernando Haddad se reuniu com os secretários do meio ambiente e da Segurança Urbana para discutir o assunto e o consenso foi o de dar continuidade ao projeto “Rolezinho da Cidadania” na SP Turismo, mas também melhorar o planejamento. Em razão do aumento inesperado de frequentadores, a gestão municipal decidiu dobrar aos sábados e domingos o número de guardas nos turnos da noite.