Beneficiados por auxílio-doença devem ser convocados pelo INSS para nova perícia

  • Por Jovem Pan
  • 23/08/2016 08h01
Brasília - O governo vai apresentar proposta para os peritos médicos do INSS, em greve há um mês meio Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr 16/08/2010 19:19Previdência social

O Governo federal publicou portaria que define sobre como será o “pente-fino” nos benefícios de aposentadorias por invalidez.

A expectativa é que 1,1 milhão de aposentados e 530 mil trabalhadores que recebem auxílio-doença sejam convocados pelo INSS. Os beneficiários terão que passar por uma nova perícia e as informações cadastradas no sistema serão atualizadas.

Se ficar comprovado que há condições de trabalhar, o benefício será suspenso automaticamente.

As convocações serão feitas por idade começando dos mais novos para os mais velhos. Quem possui mais de 60 anos, não precisará passar pela revisão dos benefícios.

Para comprovar a necessidade do recebimento do benefício, será preciso apresentar exames e laudos atualizados que comprovam a incapacidade.

O Governo estima que o “pente-fino” pode significar uma economia de R$ 6,3 bilhões por ano.

*Informações do repórter Anderson Costa