Bilhete deixado em quarto pode explicar morte de jovens em hotel de luxo de SP

  • Por Jovem Pan
  • 18/04/2017 07h20
O casal foi encontrado morto dentro de um quarto do hotel Maksoud Plaza

A Polícia Civil de São Paulo trabalha para decifrar o mistério que ronda a morte de um jovem casal em um quarto do hotel Maksoud Plaza, neste domingo.

A chave para o caso, registrado como homicídio seguido de suicídio, pode estar em anotações encontradas no quarto, conforme relato do boletim de ocorrência.

O conteúdo do bilhete não foi divulgado.

Luís Fernando Hauy Kafrune, de 19 anos, estudante da USP e Kaena Maciel, de 18 anos, bailarina que desejava ingressar no Instituto Tecnológico Aeronáutico, o ITA, em São José dos Campos, foram encontrados mortos no quarto que alugaram no sábado.

A Polícia chegou ao local depois de hóspedes terem ouvido os disparos.

Depois de abrirem a porta do quarto, o casal foi encontrado.

De acordo com o boletim de ocorrência, o pai do jovem chegou à cena do crime e tirou a arma da mão do filho e deixou em um móvel do quarto.

Há informações que o casal havia separado e reatado recentemente.

A investigação segue no 5º Distrito Policial da Aclimação.

Em nota, o hotel Maksoud Plaza afirmou que “está colaborando com as autoridades competentes, que não pode comentar mais detalhes, e que se solidariza às pessoas envolvidas.

*Informações do repórter Fernando Martins