Brasil pelo Mundo – Crise política, zika, desemprego e manifestações

  • Por Jovem Pan
  • 24/03/2016 13h54
Manifestação - Al Jazeera

The Economist – Inglaterra

Dilma Rousseff foi capa da publicação inglesa sob os dizeres “Time to go” (Hora de ir). A revista afirmou em seu editorial que a presidente deveria deixar seu cargo oara permitir um “novo começo” ao Brasil. É citada também a escolha do ex-presidente Lula no ministério da Casa Civil como uma “tentativa grosseira de impedir o curso da Justiça”.

Fox News – Estados Unidos

O vírus zika continua em destaque na imprensa internacional e o site da rede americana elaborou um relatório com as complicações e cuidados recomendados para evitar a doença, que ainda não possui vacina. É apontado que 38 países reportaram a presença do vírus e que, apenas no Brasil, foram confirmados 863 casos de microcefalia, possivelmente relacionados com o zika.

Le Figaro – França

O jornal francês noticiou que a taxa de desemprego no Brasil atingiu 8,2%, a maior desde 2009. O aumento mais acentuado foi em São Paulo, coração econômico do País. O Brasil enfrenta uma profunda recessão, com queda de 3,8% do PIB, o maior declínio em 25 anos. O governo espera uma queda de 3,05% em 2016, enquanto o mercado avalia a possibilidade de 3,6%.

Al Jazeera – Catar

Com uma reportagem em vídeo, a rede comenta as manifestações por todo o Brasil favoráveis a saída de Dilma Rousseff do governo. O envolvimento de membros do governo no maior escândalo conhecido de corrupção do País, revelado pela Operação Lava Jato, causou a revolta da população. É citado que correligionários do PT e da base aliada afirmam que setores da mídia são controlados pela direita e usam a crise para conseguir vantagens políticas.