Crivella nomeia filho para Sec. da Casa Civil e critica gestão de Eduardo Paes

  • Por Jovem Pan
  • 03/02/2017 06h32
Rio de Janeiro - O prefeito eleito Marcelo Crivella discursa ao ser empossado na Câmara de Vereadores. (Fernando Frazão/Agênci Brasil)O prefeito eleito Marcelo Crivella discursa ao ser empossado na Câmara de Vereadores

Foi em estilo autoritário que o prefeito Marcelo Crivella decidiu justificar, nesta quinta-feira (02), a nomeação do próprio filho parta a Secretaria da Casa Civil, uma pasta chave do município do Rio de Janeiro.

A nomeação de Marcelo Rod Crivella foi publicada no Diário oficial do Município. O prefeito não quis falar a respeito e preferiu focar nas críticas ao ex-prefeito.

Segundo ele, Eduardo Paes deixou um rombo nas contas municipais de mais de R$ 3 bilhões, por isso, a ordem a partir de agora é cortar gastos e investimentos não essenciais.

Crivella disse que já começou a tentar renegociar um empréstimo feito pela prefeitura junto ao BNDES, mas garantiu que, apesar do cenário difícil, não há risco de a cidade seguir o caminho do governo do Estado de não pagar os seus servidores.

Segundo Crivella, o pagamento da folha de pagamento está garantido: “é possível cortar as despesas de custeio e os 1,5 mil cargos que cortei de gratificações. Agora estou negociando os empréstimos”.

Paes negou que tenha deixado o rombo bilionário para a Prefeitura e criticou os cálculos feitos pela equipe do novo prefeito.

*Informações do repórter Rodrigo Viga