Doria reitera que papel de agentes da GCM não é aplicar multas de trânsito

  • Por Jovem Pan
  • 23/02/2017 07h37
“ENTREGA DE VIATURAS DA GUARDA CIVIL METROPOLITANA” DATA: 23/09/2013 – segunda-feira HORA: 10h30 LOCAL: Vale do Anhangabaú - Centro O Prefeito FERNANDO HADDAD, acompanhado do Senhor ROBERTO PORTO, Secretário Municipal de Segurança Urbana e do Inspetor GILSON MENEZES, Comandante Geral da Guarda Civil Metropolitana, participa da solenidade de entrega de viaturas à Guarda Civil Metropolitana e conhece as viaturas do Projeto “Crack é Possível Vencer”.Guarda Civil Metropolitana (GCM) - DIV

O prefeito João Doria afirmou que guardas civis metropolitanos não podem se omitir, mas ressaltou que o papel da corporação não é aplicar multas de trânsito.

Doria entende que apenas em casos de infração flagrante, os agentes podem autuar os motoristas pela cidade. Na campanha, o prefeito criticou a autorização dada à GCM na gestão passada de também participar da fiscalização do trânsito, principalmente nas Marginais.

Apesar da mudança de postura da atual administração, dois guardas foram vistos multando motoristas na região da Ponte Estaiada nesta semana.

O prefeito João Doria explicou qual deve ser o papel dos guardas em relação ao trânsito da cidade. “Para ficar claro, de velocidade não há a menor hipótese de um GCM agir para multar. Essa responsabilidade compete apenas aos agentes da CET”, disse.

O secretário de Segurança Urbana, coronel José Roberto Rodrigues, afirmou que as infrações flagradas na Ponte Estaiada colocavam em risco a segurança do trânsito. “O que foi identificado ali foram autuações de farol vermelho, entrar em faixa exclusiva de ônibus e usar celular ao volante”.

O prefeito ressaltou que se algum GCM for flagrado aplicando multas indevidamente, ele poderá ser penalizado.

*Informações do repórter Anderson Costa