Campeão mundial, Nunes se diz ‘muito abalado’ com incêndio: ‘Não tenho nem palavras’ 

  • Por Jovem Pan
  • 08/02/2019 17h30 - Atualizado em 08/02/2019 17h36
Reprodução Autor de dois gols no Mundial de 1981, o ex-atacante Nunes é um dos maiores ídolos da história do Flamengo

Campeão mundial e bi brasileiro com a camisa do Flamengo, Nunes se disse “muito abalado” com o incêndio que matou dez pessoas – entre elas, jogadores das categorias de base – na madruga desta sexta-feira, no Centro de Treinamento do clube rubro-negro. Em entrevista exclusiva ao Esporte em Discussão, da Rádio Jovem Pan, o ídolo afirmou “não ter palavras” para medir a tristeza pelo ocorrido. 

“É um momento muito difícil. Eu estava em São Paulo fazendo curso de treinador na CBF, cheguei ao Rio de Janeiro e já recebi essa notícia que me deixou muito abalado. Tenho certeza de que todos os torcedores brasileiros estão assim. É um momento muito difícil. Não tenho nem palavras para dizer alguma coisa”, afirmou Nunes, visivelmente consternado. 

O ex-atacante, que chegou à Gávea aos 13 anos e foi revelado pelo Flamengo, relembrou o início de carreira e se solidarizou com as famílias das vítimas. “Esse é um momento em que todos aqueles garotos que queriam ser jogadores de futebol tiveram um sonho cortado. Nós, ex-jogadores, já vivemos esse sonho. É uma fase de muitos desejos e anseios. Por isso, a tristeza pelo ocorrido é ainda maior.” 

Apesar de ser embaixador do Flamengo, Nunes contou que ainda não havia visitado o Ninho do Urubu após as reformas de modernização feitas nos últimos três anos.