Ex-secretário diz que não tem solução mágica para crise: mais impostos ou menos despesas

  • Por Jovem Pan
  • 27/04/2016 11h56
Everardo Maciel

 O ex-secretário da receita federal, Everardo Maciel, falou à Jovem Pan que a crise fiscal no Brasil é grave e que pode piorar: “Temos um problema fiscal de grande magnitude e que pode se tornar maior, depois que forem examinadas as contas, dos bancos oficiais. Há possiblidade de surgir, como se usa na gíria, esqueletos, problemas fiscais que não eram conhecidos e que são relevantes”.

Maciel afirma que não tem solução mágica para sair da crise e defende uma discussão maior sobre as possibilidades: “Não tem mágica. A solução é o aumento de impostos, a redução de despesas ou uma combinação das duas. Mas a discussão do aumento de impostos está mal formulada, precisa esgotar toda possibilidade de redução de despesas. Se alega com frequência que existem despesas obrigatórias, eu sempre chamo a atenção que essa obrigatoriedade não decorre de édito divino, nem de cláusula pétrea constitucional”.

O consultor jurídico explica que tanto o corte de despesas quanto o aumento de impostos dependem de articulação política.