Força-tarefa da Lava Jato vai contra últimas definições do Supremo

  • Por Jovem Pan
  • 01/05/2017 07h16
Supremo Tribunal Federal - DIV

A força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba começa a ficar preocupada com o que está acontecendo em Brasília. A tendência mudou e o Supremo Tribunal Federal indica que vai soltar presos da Lava Jato ou mesmo modificar decisões do juiz Sérgio Moro.

A apreensão é muito forte, por isso, os procuradores fazem gestões políticas em uma tentativa de influenciar a opinião pública contra mudanças da decisão do juiz federal.

As últimas definições do Supremo Tribunal Federal indicam que esse sentido poderá ser tomado já que agora a Lava Jato, no Supremo Tribunal Federal, é dos poderosos, dos que têm foro privilegiado e que estão sendo investigados no Supremo Tribunal Federal.

A tentativa de influenciar o STF é para evitar que as decisões sobre deputados, senadores e ministros acabem “contaminando” também os outros condenados da operação e que não têm foro privilegiado.

*Informações do repórter José Maria Trindade