Fórum Mitos & Fatos: tecnologia vai afetar o modo como as coisas são pensadas

  • Por Jovem Pan
  • 25/04/2017 10h57
Mitos & Fatos

O que será do futuro das cidades? Alguns nortes foram apontados no Fórum Mitos & Fatos, o primeiro de uma série que a Jovem Pan vai promover ao longo de 2017. Mas uma questão ficou clara. A tecnologia vai afetar o modo como as coisas são feitas e pensadas. Principalmente porque precisaremos dela para sermos mais eficiente.

A tecnologia, de fato, alinhavou os quatro painéis que integraram o evento realizado no Hotel Tivoli Mofarrej, em São Paulo, para mais de 300 convidados.

Um novo desafio para a marca Jovem Pan. Para mudar, é preciso informação. Girar conhecimento.

Por isso, autoridades do setor público e privado, além de especialistas e acadêmicos se debruçaram sobre os gargalos e desafios das próximas décadas das metrópoles como São Paulo. Urbanismo, saúde e mobilidade foram temas de debates. Todos mediados por jornalistas da Jovem Pan.

No painel sobre Saúde, guiado por Thiago Uberreich, o SUS foi um tema recorrente. Mas a possibilidade de adoção de um novo modelo de funcionamento e operação para a saúde suplementar também entrou na pauta. É, na verdade, uma tendência entre os países desenvolvidos.

No tema Urbanismo, Carlos Andreazza tratou das novas regras (nem sempre acertadas) para problemas contemporâneos com os convidados do painel.

E o futuro? Carlos Aros mediou o panorama para um amanhã cada vez mais próximo com os convidados.

E além de robotização e da internet das coisas, a banda larga esteve no centro das discussões.

São Paulo, a megalópole que serve de exemplo de modernidade para tantas outras, também está de olho em referências bem sucedidas lá fora, segundo o governador Geraldo Alckmin, que encerrou o evento da Jovem Pan.

O prefeito João Doria fez um discurso inflamado na abertura do Fórum Mitos & Fatos e incluiu na lista de prioridades do futuro das cidades outra pauta urgente.
A íntegra de todos os painéis do Fórum Mitos e Fatos está no canal da Jovem Pan no Youtube.

Confira a reportagem completa de Carolina Ercolin: