Indústria siderúrgica enfrenta pior crise do segmento no Brasil

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2016 14h31
Indústria

 A venda de aço no Brasil despencou 26% em dezembro de 2015, na comparação com 2014. Já a produção, recuou 6%, no período apesar do registro de crescimento em mais de 50% nas exportações.

As usinas siderúrgicas venderam 1,1 milhão de toneladas do produto, enquanto produziram 2,4 milhões de toneladas, menor nível mensal desde dezembro de 2010. Muitas empresas paralisaram os fornos de alta complexidade devido à retração da economia. O desempenho da produção só não foi pior porque as exportações de dezembro saltaram para 1,5 milhão de toneladas no mês, maior nível desde 2009. Os números são do Instituto Aço Brasil.

Já as importações recuaram 46%, para 115 mil toneladas. As vendas internas de produtos siderúrgicos tem previsão de queda de 16,3% em 2015, chegando a 18,2 milhões de toneladas, mesmo patamar de 2006. Os números mostram a pior crise da história da indústria brasileira do aço.