Inep: Desempenho de alunos no Enem não deve ser analisado de modo isolado

  • Por Jovem Pan
  • 06/10/2016 06h49
estudante

Idealizadora do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, e presidente do Inep, Maria Inês Fini, comenta a repercussão do ranking das escolas no teste, um dia após a divulgação dos números de 2015.

Para Maria Inês, não deve haver interpretações distorcidas, pois é errado ficar os números de desempenho dos alunos de modo isolado, mas sim analisando o contexto social. A presidente do Inep não revelou quais mudanças a prova deverá sofrer para 2017, assunto que vem sendo ventilado pelo Brasil. Apenas garantiu que não haverá prejuízo aos direitos conquistados pelos alunos que fazem a prova.

Na Escola Técnica Estadual de São Paulo, melhor pública paulista no ranking da prova, o clima era de descontração após o resultado da lista.

Há cinco anos a escola se mantém no topo e, segundo Márcia Cury, coordenadora do Ensino Médio da unidade, é fruto de evolução de trabalho entre alunos e professores.

Dentre as vinte escolas públicas do Estado de São Paulo com melhor desempenho nas provas do Enem 2015, 19 são Escolas Técnicas Estaduais.

Confira a reportagem completa de Fernando Martins: