João Doria parabeniza funcionários da Prefeitura Regional de Pinheiros: “exemplo de grandeza”

  • Por Jovem Pan
  • 28/04/2017 09h52
João Doria - Fotos Públicas

Ao Jornal da Manhã desta sexta-feira (28), o prefeito João Doria (PSDB) parabenizou os funcionários da Prefeitura Regional de Pinheiros, que decidiram dormir no local para não perder o dia de trabalho por conta da greve geral, que está acontecendo em todo o Brasil desde o início desta manhã.

“Gostaria de parabenizar, por exemplo, atitudes de funcionalismo público. A Prefeitura Regional de Pinheiros, com mais de uma centena de funcionários, tomou a decisão de permanecerem no trabalho. Não voltaram para suas residências para que pudessem estar hoje trabalhando. Quero cumprimentar essas pessoas pela atitude, coragem e grandeza por fazer o que tem que ser feito e também o prefeito regional Paulo Mathias, que dormiu ao lado dos funcionários para garantir o funcionamento das atividades nessa região de São Paulo”, disse.

Trabalhando desde 6h30, o tucano ainda ironizou os grevistas, afirmando que se eles quiserem bloquear o seu acesso à prefeitura de São Paulo, que acordem mais cedo da próxima vez. Ele ainda os chamou de “vagabundos”.

“Estou aqui desde 6h30 e volto a dizer aos grevistas, que se quiserem bloquear o meu acesso, acordem mais cedo, vagabundos! O prefeito acorda cedo e trabalha muito. Recado dado”, concluiu.

Na noite da última quinta-feira, o Prefeito Regional de Pinheiro, Paulo Mathias, divulgou um vídeo em que parabeniza seus funcionários, que segundo ele decidiram de forma espontânea dormir no local para não perder o dia de trabalho por conta da greve geral anunciada para esta sexta (28), que teve a adesão dos metroviários, operadores trens da CPTM, bancos e outros serviços.

“Eles me surpreenderam, me deixaram arrepiado com a atitude deles. Eles decidiram dormir aqui na prefeitura de Pinheiros para poder trabalhar amanhã. O senhor João, para vocês terem um ideia, mora próximo de Ibiúna, 50 km de São Paulo. Ele não vai conseguir vir para cá porque algumas pessoas resolveram atrapalhar a vida dos outros. Nós somos a favor da greve, mas não em dia de trabalho. Eu queria olhar nos olhos de você e afirmar que amanhã, na Prefeitura de Pinheiros, é dia de trabalho!”, explicou Mathias.

O assunto rendeu nas redes sociais e muitas pessoas criticaram o vídeo, afirmando que os funcionários estavam sendo obrigados a permanecerem no local de trabalho. Outros aplaudiram a decisão dos rapazes que decidiram ficar na subprefeitura.