74% da classe C quer continuidade da Lava Jato, diz pesquisa

  • Por Jovem Pan
  • 03/10/2019 06h47
Gabriel Biló/Estadão Conteúdo51% avaliam a operação como ótima ou boa

Sete em cada dez brasileiros (74%) da classe C querem que a Operação Lava Jato continue. Para 21% dos entrevistados, no entanto, a ação deve terminar, e outros 5% não souberam responder. O dado consta na pesquisa Data Check UP Brasil Classe C, realizada pelo Instituto Data Popular e divulgada com exclusividade à Jovem Pan.

O levantamento mostra que a força-tarefa tem o apoio de pouco mais da metade dos brasileiros dessa faixa social: 51%, que a avaliam como ótima ou boa. Em contrapartida, vinte e sete por cento disseram que a operação é ruim ou péssima. 2% não souberam responder.

Na opinião de 74% dos entrevistados da classe C, a Lava Jato é um importante instrumento no combate à corrupção, enquanto 57% acham que políticos e empresários terão um comportamento mais honesto por causa da ação. Por outro lado, 53% consideram que juízes e promotores utilizam a operação para perseguir adversários políticos, enquanto 42% acham que a força-tarefa comete muito excessos e impedem que denunciados tenham direito à ampla defesa.

A pesquisa aponta, ainda, que a maioria dos entrevistados têm a percepção de que há corrupção nos três poderes e no empresariado brasileiro. 92% dos brasileiros da classe c acham que há muita corrupção no poder legislativo; 86% têm essa mesma ideia do poder executivo, número próximo dos 80% que acham que o poder judiciário é corrupto. Em relação ao empresariado, 87%  acham que há corrupção no setor.

A pesquisa ouviu 1.020 pessoas com 16 anos ou mais e que tenham renda entre R$ 1.646,95 e R$ 4.144,77. As entrevistas ocorreram nas trinta e três cidades mais populosas do país entre os dias 4e 18 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

*Com informações da repórter Nicole Fusco