Adolescentes são vacinados em campanha de imunização na Ilha de Paquetá

Jovens receberam imunizante da Pfizer, o único aprovado pela Anvisa para a faixa etária

  • Por Jovem Pan
  • 25/07/2021 10h15
EFE/EPA/VICTORIA JONES / POOL - 09/12/20Informações estão sendo colhidas para serem transformadas em estudos e futuras políticas publicas de enfrentamento a Covid-19 no Rio

Uma nova etapa da campanha de vacinação coletiva na Ilha de Paquetá, que fica na Baía de Guanabara, avança hoje. Neste domingo, 25, adolescentes recebem a vacina da Pfizer — a única autorizada pela Anvisa para ser administrada em menores de idade. Na primeira etapa, que focou em adultos moradores da Ilha, foi utilizada a vacina Oxford/AstraZeneca produzida pela Fundação Oswaldo Cruz. Esse, inclusive, é um projeto em parceira da Fiocruz com a Prefeitura do Rio de Janeiro que conta com o apoio do Ministério da Saúde.

Informações estão sendo colhidas para serem transformadas em estudos e futuras políticas publicas de enfrentamento a Covid-19 no Rio de Janeiro. O primeiro município do Estado a vacinar menores de idade foi Niterói — começou na quinta, em jovens de 16 e 17 anos com deficiência ou comorbidade. Outra vacinação em massa no Rio já tinha acontecido na Ilha Grande e foi promovida pelo governo do Estado. Ilha Grande é um paraíso turístico da Costa Verde e que pertence ao município de Angra dos Reis.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga