AGU volta a negociar acordo para indenizar perdas pelos planos econômicos dos anos 80 e 90

  • Por Jovem Pan
  • 05/12/2017 06h35
Stevepb/PixabayAtualmente, mais de um milhão de processos correm há 30 anos na Justiça pelas perdas nos planos Bresser, Verão, Collor 1 e Collor 2

Poupadores que perderam dinheiro com os planos econômicos dos anos 80 e 90 voltam a negociar um acordo de indenizações com a Advocacia-Geral da União e com os bancos.

Atualmente, mais de um milhão de processos correm há 30 anos na Justiça pelas perdas nos planos Bresser, Verão, Collor 1 e Collor 2. Mais de R$ 10 bilhões podem ser pagos a cerca de três milhões de pessoas.

Os pagamentos vão ser feitos à vista até determinado valor. Acima dele, vão ser parcelados.

Para conseguir a indenização, o poupador precisa comprovar que tem uma ação na Justiça cobrando os valores e desistir do caso. Também deve comprovar que tinha o dinheiro depositado na época. O valor do ressarcimento é menor do que o que ele receberia com a ação.

Alguns pontos do acordo ainda estão em discussão. Um deles é a abrangência do termo: se seria só para poupadores que entraram com ações na Justiça ou se todos que comprovarem os depósitos.

Também está em aberto o valor do desconto das dívidas dos bancos e o prazo para o pagamento. Depois que o acordo for fechado, ele precisa ser homologado pelo Supremo Tribunal Federal.

*Informações do repórter Levy Guimarães