Alckmin promete 22 novas estações do Metrô e CPTM até abril do ano que vem

  • Por Jovem Pan
  • 07/09/2017 08h54 - Atualizado em 22/09/2017 12h52

Governador de São Paulo

A administração estadual prometeu colocar em funcionamento novas estações nas linhas 4-Amarela, 5-Lilás, 13-Jade e 15-Prata

O governador de São Paulo prometeu entregar 22 estações do Metrô e da CPTM nos próximos sete meses. Geraldo Alckmin deu a declaração nesta quarta-feira (06) após a cerimônia de inauguração das paradas Alto da Boa Vista, Borba Gato e Brooklin da linha cinco-Lilás.

A administração estadual prometeu colocar em funcionamento novas estações nas linhas 4-Amarela, 5-Lilás, 13-Jade e 15-Prata.

Além disso, Alckmin afirmou que outras duas paradas serão entregues ao longo de 2018: “22 estações novas de Metrô e trem vamos entregar nos próximos sete meses e, ainda no ano que vem, a estação Campo Belo e a estação Morumbi”.

As três estações entregues nesta quarta-feira foram inauguradas com dois anos de atraso em relação à data original.

O secretário estadual dos Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, disse que está fazendo de tudo para cumprir a promessa do governador: “nós temos nas nossas obras hoje 13 mil empregados, estamos com trabalho forte de cobrança. Todo o esforço possível e impossível para cumprir as metas”.

As três estações da linha 5-Lilás abertas nesta quarta-feira vão funcionar de maneira gratuita e em horário reduzido nos primeiros dois meses.

Durante a chamada operação assistida, as paradas Alto da Boa Vista, Borba Gato e Brooklin vão estar abertas das dez da manhã às três da tarde. A companhia diz que começar assim, aos poucos, é o padrão internacional para a abertura de novas estações de Metrô. Aos poucos, o horário vai ser aumentado até chegar ao funcionamento pleno, como em toda a rede.

*Informações do repórter Tiago Muniz