Anac investiga 67 relatos de danos a aviões por combustível adulterado

As denúncias fizeram a Petrobras suspender a comercialização e distribuição do produto, que é importado

  • Por Jovem Pan
  • 14/07/2020 06h36 - Atualizado em 14/07/2020 08h08
ReproduçãoEsse tipo de gasolina é usado para abastecer cerca de 12 mil aviões de pequeno porte no Brasil

A Agência Nacional de Aviação Civil está investigando 67 relatos de falsificação de combustível usados em aviões de pequeno porte. Na semana passada, pilotos e donos de aeronaves relataram danos em estruturas dos aviões depois de terem utilizado um tipo específico de combustível.

A sequência de denúncias fez com que a Petrobras suspendesse a comercialização e distribuição do produto, que é importado. A Agência Nacional de Petróleo também participa das investigações. Esse tipo de gasolina é usado para abastecer cerca de 12 mil aviões de pequeno porte no Brasil. Não é o caso das aeronaves comerciais de grande porte, que utilizam querosene de aviação.

A Agência Nacional de Aviação Civil orientou os operadores de pequenos aviões que, caso detectem algum tipo problema na estrutura que comporta o combustível, descartem o produto e interrompam imediatamente a operação da aeronave.

*Com informações do repórter Leonardo Martins