Aneel aprova reajuste de quase 14% nas contas de luz no interior de SP

Novas taxas entram em vigor a partir da sexta-feira, 8, e vão impactar consumidores de cidades como Campinas, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto

  • Por Jovem Pan
  • 06/04/2022 08h39 - Atualizado em 06/04/2022 08h39
JOSÉ CARLOS DAVES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Conta de energia elétrica, lâmpada e calculadora O aumento médio para o cliente será de 14,97%, de acordo com a agência reguladora

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou reajuste de 13,8% nas contas de luz para consumidores residenciais da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL Paulista). As novas taxas de cobrança foram aprovadas em reunião colegiada do órgão e entram em vigor a partir da próxima sexta-feira, 8. A área de concessão da companhia abrange cerca de 4,7 milhões de unidades consumidores em reuniões populosas do interior de São Paulo, como Campinas, Ribeirão Preto e São José do Rio Preto. Os usuários de baixa tensão terão em média correção de 14,24%. Esse tipo de consumo engloba os residenciais de baixa renda, rurais, industriais, comerciais, de serviços e iluminação pública. Já os de alta tensão vão ter impacto de 16,42%. O aumento médio para o cliente será de 14,97%, de acordo com a agência reguladora. Dos componentes que mais impactaram neste processo tarifária destacam-se os encargo setoriais e atividades relacionadas à distribuição e compra de energia.

*Com informações do repórter Daniel Lian