ANP e Petrobras garantem abastecimento de combustíveis apesar de acidente em Paulínia

  • Por Jovem Pan
  • 21/08/2018 08h25
Marcello Casal jr/Agência BrasilO diretor de Refino da Petrobras, Jorge Celestino, disse que há estoques suficientes para 10 a 15 dias

Mesmo com a parada da refinaria de Paulínia, por conta do acidente desta segunda-feira (20), não há risco de desabastecimento de combustíveis no Brasil. A garantia foi dada por fontes consultadas pela Jovem Pan.

O diretor de Refino da Petrobras, Jorge Celestino, disse que há estoques suficientes para 10 a 15 dias.

O Sindicato Unificado dos Petroleiros para São Paulo vai na mesma direção e lembra que Paulínia e outras refinarias no Estado atuavam com nível de capacidade de 70%.

O diretor-geral da ANP, Décio Odoni, destacou uma equipe para acompanhar as causas da explosão na refinaria mais importante do Brasil. Segundo Odoni, não há com o que se preocupar em termos de abastecimento mesmo com Paulínia parada por tempo indeterminado: “os estoques estão bons, na há essa preocupação”.

*Informações do repórter Rodrigo Viga