Após ataques de Olavo de Carvalho, Bolsonaro mostra apoio ao ministro Santos Cruz

O escritor afirma que o ministro deve ser investigado e aponta supostas irregularidades envolvendo a Apex

  • Por Jovem Pan
  • 10/05/2019 06h34 - Atualizado em 10/05/2019 10h43
Agência BrasilJair Bolsonaro deu uma demonstração pública de apoio ao ministro

Depois dos novos ataques do escritor Olavo de Carvalho ao ministro da Secretaria de Governo, general Santos Cruz, o presidente Jair Bolsonaro deu uma demonstração pública de apoio ao ministro, que chamou outros chefes de pastas e parlamentares nesta quinta-feira (09) para um café da manhã no Palácio do Planalto.

O escritor afirma que o ministro deve ser investigado e aponta supostas irregularidades envolvendo a Apex (Agência de Promoção às Exportações).

Durante o encontro, o ministro a Secretaria de Governo voltou a pedir a unificação do discurso no Congresso Nacional e lembrar a necessidade de se fortalecer a articulação política do Governo.

Jair Bolsonaro fez questão de participar do encontro, apesar de ter ficado pouco tempo. Ressaltou a necessidade de se aprovar a reforma da Previdência para ajustar as contas públicas e até por conta disso lembrou que, hoje, o número 1 do Governo é o ministro da Economia: “com toda a certeza, o mais importante é o Paulo Guedes, que tem a chave do cofre”.

O presidente confirmou a viagem para Dalas na semana que vem, onde deverá receber o prêmio de personalidade do ano. A entrega inicialmente seria em Nova Iorque, mas diante da possibilidade de protestos, o presidente foi aconselhado a desistir da viagem.

O presidente embarca na terça-feira (14) e volta na quinta (16).

*Informações da repórter Luciana Verdolin