Às vésperas do 1º de maio, Governo vai dar mais detalhes sobre o e-Sindical

A expectativa é de que o ministro Moro dê mais detalhes em coletiva de imprensa nesta terça (30).

  • Por Jovem Pan
  • 30/04/2019 07h53 - Atualizado em 30/04/2019 10h24
PixabayA portaria, que deve ser publicada na próxima quarta-feira (1º), Dia do Trabalhador, traz os passos necessários para o registro das entidades junto ao Governo

O Governo federal lança nesta semana o Registro Sindical Digital. Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, a medida vai permitir redução de custos, agilidade e maior transparência.

A portaria, que deve ser publicada na próxima quarta-feira (1º), Dia do Trabalhador, traz os passos necessários para o registro das entidades junto ao Governo.

A expectativa é de que o ministro Sergio Moro dê mais detalhes em coletiva de imprensa nesta terça-feira (30).

Para o presidente da União Geral dos Trabalhadores, Ricardo Patah, a plataforma e-Sindical vai beneficiar os sindicatos “legítimos”. Ele também se reuniu nesta segunda-feira, pela primeira vez, com o presidente Jair Bolsonaro em Brasília. Na saída do encontro, Ricardo Patah se mostrou favorável às reformas.

O presidente da UGT disse que Bolsonaro se sensibilizou com a necessidade de se pensar em uma outra forma de se financiar os sindicatos. Ricardo Patah disse que não defende a volta da contribuição sindical, mas que a estrutura de sindicatos deve ser valorizada, porque “é um pilar importante na democracia”.

*Informações do repórter Afonso Marangoni