Assembleia Legislativa do RS fecha 2017 com saldo positivo em caixa

  • Por Jovem Pan
  • 18/01/2018 06h41
Divulgação/ALRSO balanço foi divulgado pelo presidente do Legislativo, deputado Edegar Pretto (PT), nesta quarta-feira (17)

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul fechou 2017 com uma economia de R$ 71 milhões, que ficaram à disposição dos cofres públicos do Executivo estadual. O orçamento total destinado à Casa era de R$ 643 milhões.

O balanço foi divulgado pelo presidente do Legislativo, deputado Edegar Pretto (PT), nesta quarta-feira (17). Em análise do período da gestão à frente da ALERS, o parlamentar destacou que as ações foram pautadas pela economia e investimentos na Casa. Segundo ele, o montante economizado auxiliou o governo do Estado, pois foi utilizado para complemento da folha salarial de dezembro dos servidores estaduais.

“Realizamos uma gestão muito responsável com os recursos públicos. O Orçamento de R$ 643 milhões nós fizemos economia de R$ 71 milhões. Fizemos investimentos de R$ 10 milhões na Casa”, disse ao citar os benefícios feitos à Casa Legislativa.

Em relação aos temas debatidos, o deputado falou em ano difícil, mas avaliou que a Casa conseguiu fazer diferença ao abordar temas da igualdade de gênero, alimentação saudável, defesa pela educação e mobilização pela busca de recursos da Lei Kandir.

*Informações do repórter Sandro Sauer