‘Atacarejos’ crescem e proprietários de estabelecimentos apostam em alta

  • Por Jovem Pan
  • 22/04/2019 06h53 - Atualizado em 22/04/2019 10h48
Antonio Cruz/Agência BrasilRedes de atacarejo

Um levantamento da Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores, feito em parceria com a consultoria Nielsen, apontou que o setor atacadista teve crescimento de 0,8%, no ano passado, na comparação com 2017.

Apesar da alta discreta, chama a atenção a evolução dos estabelecimentos do chamado “atacarejo” – que reúnem características do atacado e do varejo.

Para o presidente da Abad, Emerson Destro, os dados já mostram a recuperação do setor, depois da crise: “um crescimento de 0,8% não é para ser comemorado, porém, o cenário econômico que o país passou, a gente entende que é um bom resultado”.

Emerson Destro completou dizendo que a tendência é de números ainda melhores nesse ano, mas tudo depende da aprovação das reformas.

No setor do atacarejo, o otimismo é alto: 96% dos proprietários de estabelecimentos apostam em alta do faturamento em 2019.

*Informações do repórter Vitor Brown