Bolsonaro ameaça retirar Força Nacional de Cariacica: ‘Não pode ser submetida a disque-denúncia’

  • Por Jovem Pan
  • 04/10/2019 06h33
Reprodução/YoutubePresidente disse que município teve redução de 53% no número de homicídios desde o início do projeto

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) ameaçou, nesta quinta-feira (3), retirar os homens da Força Nacional do município de Cariacica, no Espírito Santo. A cidade faz parte do projeto piloto do Ministério da Justiça e Segurança Pública que selecionou cinco cidades com altos índices de violência para testar um novo programa de segurança.

O problema é que o prefeito da cidade, Juninho (PPS), criou um disque-denúncia para receber reclamações sobre a atuação dos militares. A cidade estaria dividida entre os que aprovam e os que avaliam que a Força Nacional está extrapolando suas funções.

“Nós não podemos expor os nossos agentes de segurança a serem submetidos ao disque-denúncia que, na maioria das vezes, é mentira. Os bons policiais são denunciados exatamente por essa parte do crime organizado, para atrapalhar quem está fazendo o bem para aquela região”, disse Bolsonaro durante uma transmissão ao vivo em suas redes sociais.

Segundo o presidente, o Ministério da Justiça aponta redução de 53% no número de homicídios na região desde o início do programa, há 30 trinta dias.

*Com informações da repórter Luciana Verdolin