Bolsonaro culpa desinformação por desgaste de imagem no exterior

  • Por Jovem Pan
  • 23/06/2020 06h49 - Atualizado em 23/06/2020 08h25
Isac Nóbrega/PRBolsonaro não concorda com as críticas à política ambiental do governo que vêm de nações que afirma não cuidarem da própria natureza

O presidente Jair Bolsonaro quer combater o que chama de ‘desinformação’ em relação à política ambiental adotada pelo governo federal. Na avaliação do chefe do executivo, a partir do momento em que o que define como verdade passar a ser dita, haverá uma melhora na imagem que muitos países têm de como o Brasil lida com o meio ambiente.

De acordo com Bolsonaro, nós somos o país que mais preserva as matas nativas em todo o mundo. Ele não concorda com as críticas à política ambiental do governo que vêm de nações que afirma não cuidarem da própria natureza.

O presidente da República acredita que a atual gestão do ministério da agricultura já impactou na imagem que outros países têm do Brasil na questão da segurança alimentar.  Bolsonaro diz que, atualmente, acordos de exportação de produtos nacionais são firmados com muita facilidade, e espera um aumento na produção a partir do ano que vem, com ampliação dos meios de escoar a produção.

Segundo o presidente Jair Bolsonaro, a produção agropecuária nacional é responsável por alimentar mais de 1 bilhão de pessoas em todo mundo. Para ele, as mudanças promovidas pelo governo em órgãos de fiscalização acabaram com entraves para o agricultor e contribuíram para o aumento da produtividade no setor.

O presidente lembra que o agronegócio é a locomotiva da economia brasileira, e acredita que com paz, tranquilidade e harmonia entre todos os poderes da república, colocará o Brasil no caminho que merece.

*Com informações do repórter Antonio Maldonado