Brasil é o país que mais recebe ligações indesejadas no mundo

No ano passado, a média foi de 37 chamadas recebidas por pessoa por mês

  • Por Jovem Pan
  • 30/04/2019 06h34
PixabayNove Estados já têm leis que criam cadastros de consumidores que não desejam ser incomodados

Segundo um levantamento da True Caller, criadora de um aplicativo com mais de 300 milhões de usuários, o Brasil é o país que mais recebe ligações indevidas no mundo.

No ano passado, a média foi de 37 chamadas recebidas por pessoa por mês.

O fisioterapeuta Bruno Novaes, de 29 anos recebe cerca de cinco ligações por dia: “eu acabei de receber uma. O bom é que o celular mostra de onde vem a ligação”.

Nove Estados já têm leis que criam cadastros de consumidores que não desejam ser incomodados.

A técnica de enfermagem Cleusa Mendes sempre é importunada quando está esperando uma ligação importante: “em hora indesejada não tem quem não fique de saco cheio, né?”.

Empresas que usam esse serviço e que não respeitam esses cadastros podem ser acionadas pelo Procon e até multadas. É o que garante o advogado especialista em direito do consumidor, Arthur Rollo: “o TJ-SP já vem condenando empresas que vêm cometendo esse tipo de abuso”.

Mas como tudo na vida, existe uma exceção como é o caso do marceneiro Francisco Gonçalves. É ele que liga pros familiares nas horas indesejadas: “tenho tido sorte, faz tempo que não me ligam. Eu que estava ligando para encher um outro filho meu”.

As reclamações de serviço de telemarketing aumentaram 26% no primeiro trimestre esse ano em comparação com o mesmo período do ano passado. Em reunião com a Anatel, as empresas de telefonia prometeram apresentar em seis meses um código de conduta para evitar as ligações indesejadas.

*Informações da repórter Victor Moraes