Cármen Lúcia se reúne com presidente do TRF4 para falar de segurança no julgamento de Lula

  • Por Jovem Pan
  • 15/01/2018 06h47 - Atualizado em 15/01/2018 09h40
José Cruz/Agência BrasilNo próximo dia 24, o Tribunal Regional Federal vai julgar se mantém a condenação ou se absolve o ex-presidente

A presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, se reúne na manhã desta segunda-feira (15), em Brasília, com o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª região, o desembargador Carlos Thompson Flores.

Os dois vão discutir medidas de segurança para o dia do julgamento do recurso da defesa do ex-presidente Lula, marcado para o próximo dia 24, em Porto Alegre.

O TRF-4 afirmou na semana passada que os três desembargadores que vão julgar o recurso de Lula têm recebido ameaças pela internet, por telefone e até por carta.

Na mesma semana, o tribunal informou que a Polícia Federal está investigando quem fez essas ameaças.

No começo do mês, o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, do PSDB, chegou a pedir ao presidente Michel Temer um reforço do exército para o dia do julgamento. Mas o ministro da Defesa, Raul Jungmann, negou o pedido dias depois.

O ex-presidente Lula foi condenado em primeira instância pelo Juiz Sérgio Moro a nove anos e meio de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá.

No próximo dia 24, o Tribunal Regional Federal vai julgar se mantém a condenação ou se absolve o ex-presidente.

*Informações do repórter Caio Rocha