CFM regulamenta serviço de app de celular que permite agendamento de consulta médica

  • Por Jovem Pan
  • 28/02/2018 07h33
PixabayHá mais de dois anos, alguns aplicativos permitem que você agende uma consulta avulsa com algum médico pelo celular

O Conselho Federal de Medicina regulamentou o serviço de aplicativos de celular que permitem o agendamento de consultas médicas. Essa prática ficou conhecida como o “Uber dos Médicos”.

Há mais de dois anos, alguns aplicativos permitem que você agende uma consulta avulsa com algum médico pelo celular.

Essas consultas não são aquelas que você agenda pelo plano de saúde e vai até a clínica do especialista que você escolheu, mas sim, te permite chamar um médico que vai te atender na sua casa.

Você não precisa nem sair. Apesar de já existir em mais de 160 cidades em todo o país e em todas as capitais as capitais, o serviço até agora não era regulamentado.

Agora, o Conselho Federal não só regulamentou como declarou ser ética essa prática.

Mas fez três exigências antes de declarar válida a consulta por aplicativo. Que todos os médicos que se cadastrarem têm que ter obrigatoriamente o registro que indica que ele fez residência ou passou por um exame específico, têm que ter o prontuário acessível por outros médicos e pelos próprios pacientes e que cada empresa de cada aplicativo tem que ter um diretor técnico responsável.

Quem vai ficar responsável por fiscalizar se isso tudo está sendo cumprido são os Conselhos regionais de cada Estado.

O coordenador de fiscalização do Conselho Federal de Medicina, Emmanoel Fortes, disse que os conselhos regionais têm condições de fiscalizar tudo e que por isso as pessoas que quiserem usar esse tipo de serviço podem usar tranquilamente.

Até agora há, pelo menos, três grandes aplicativos que já fazem esse tipo de serviço no país.

*Informações do repórter Caio Rocha