China suspende viagens turísticas individuais para Taiwan

  • Por Jovem Pan
  • 01/08/2019 08h28 - Atualizado em 01/08/2019 09h14
EFEO governo chinês considera Taiwan como uma das suas províncias; presidente do país não reconhece o princípio da unidade da ilha

A China vai proibir a partir dessa quinta-feira (1) seus cidadãos de fazerem viagens turísticas individuais a Taiwan por causa das relações atuais entre Pequim e Taipé.

A China permitia que os habitantes de 47 cidades solicitassem vistos para viajar para Taiwan como turista individual.

O governo chinês considera Taiwan como uma das suas províncias, mas as tensões aumentaram com a presidente de Taiwan.

Desde que ela chegou ao poder, em 2016, ela se recusa a reconhecer o princípio da unidade da ilha e do continente dentro de uma única China e briga pela independência do país.

O território é governado por um regime rival que se refugiou na ilha depois da chegada dos comunistas ao continente em 1949, no final da Guerra Civil chinesa.

Restringindo o turismo, Pequim parece querer atingir uma economia taiwanesa já enfraquecida e, assim, desestabilizar a presidente do país.

*Com informações do repórter Victor Moraes