Chuva causa transtornos no Rio de Janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 14/01/2020 08h10
LESSANDRO BUZAS/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOFortes chuvas deixaram vários pontos do Rio de Janeiro em estado de atenção

As fortes chuvas que caíram entre domingo e segunda feira no estado do Rio de Janeiro provocaram alagamentos em várias cidades, inclusive na capital. 

Maricá decretou estado de emergência. Três famílias tiveram que ser resgatadas em suas casas com a ajuda de botes. A prefeitura alertou os moradores para que evitem deslocamentos e procurem locais seguros.

Em Cabo Frio, cidade da Região dos Lagos que atrai milhares de turistas em janeiro, a Defesa Civil está em atenção. Em Três Rios, no centro-sul do estado, um comitê municipal de emergência busca minimizar os efeitos do mau tempo e monitorando áreas consideradas de risco.

A cidade do Rio de Janeiro entrou em estado de atenção depois que a chuva provocou alagamentos em vários bairros. Segundo o Centro de Operações, houve registro de 20 milímetros em 15 minutos na estação da Rocinha, e aproximadamente 15 milímetros no Jardim Botânico e no Vidigal.

A Avenida Brasil sofreu interdições em trechos do Caju, de Manguinhos, da Parada de Lucas e de Bonsucesso em função da formação de bolsões d’água. No Centro, a circulação da Linha 2 do VLT ficou suspensa por mais de uma hora.

Na saída do Túnel Rebouças, os acessos para o Humaitá e para a Avenida Borges de Medeiros foram fechados devido ao acúmulo de água. Nesta segunda, Avenida Epitácio Pessoa ficou bastante alagada no sentido Leblon-Corte do Cantagalo.

De acordo com o Alerta Rio, nas últimas 24 horas choveu 75 milímetros na região da Rocinha, o que representa 43% do esperado para todo o mês de janeiro.

* Com informações do repórter Victor Moraes.