Cinco mil homens das forças armadas e polícias fazem operação no Rio

  • Por Jovem Pan com Agência Brasil
  • 28/06/2018 08h34
Agência EFEParticipam da operação 5.580 homens, dos quais 5.400 são militares das forças armadas

As forças armadas fazem hoje (28) uma operação conjunta com as polícias do Rio de Janeiro nas comunidades do Chapadão e da Pedreira, na zona norte da cidade. Os militares executam um cerco às comunidades, patrulhas, desobstrução de vias e revistas de pessoas e de veículos.

Policiais militares auxiliam no patrulhamento e no bloqueio de vias. Já os policiais civis fazem a checagem de antecedentes criminais e cumprem mandados judiciais.

Participam da operação 5.580 homens, dos quais 5.400 são militares das forças armadas, 100 policiais civis e 80, policiais militares. Na operação, estão sendo usados veículos blindados, aeronaves e equipamentos de engenharia.

Segundo o Comando Militar do Leste, a operação foi deflagrada no contexto das medidas implementadas pela Intervenção Federal na Segurança Pública.

Operação interdita túnel

Outra operação policial, realizada pela Polícia Militar, na manhã desta quinta em razão de disparos registrados no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, zona norte do Rio de Janeiro, interditou os dois sentidos do túnel Noel Rosa.

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio disse que a Polícia Militar está atuando no local e pede que os motoristas evitem passar pela região.

Morre sargento

Um sargento identificado apenas como Pinheiro morreu após ser baleado na cabeça no Morro dos Macacos, elevando para 70 o número de agentes de segurança mortos no Rio em 2018.

Com informações de Agência Brasil, Estadão Conteúdo e do repórter Jovem Pan no Rio, Rodrigo Viga.