Comércio paulista faz projeções otimistas para vendas no Dia dos Pais

  • Por Jovem Pan
  • 28/07/2017 06h30 - Atualizado em 28/07/2017 11h12
A expectativa é que o setor tenha um movimento de 52,3% em 2017

Vendas do comércio varejista no Dia dos Pais devem subir 7% na comparação com 2016, segundo levantamento da Fecomércio. A expectativa é que o setor tenha um movimento de 52,3% em 2017.

O segmento de vestuário, tecidos e calçados deve ter elevação de cinco por cento em agosto, na comparação com o mesmo período do ano passado.

Já eletrodomésticos, eletrônicos e lojas de departamentos têm a expectativa de alta de 15% no faturamento.

O assessor econômico da Fecomércio, Altamiro Carvalho, explicou os motivos que colaboram para a expectativa mais positiva: “a base de comparação é extremamente fraca, então isso facilita com que aqui se tenha esse início de recuperação de vendas”.

O levantamento aponta que alguns dos presentes mais procurados no Dia dos Pais estão mais baratos, como computadores e aparelhos de som e DVD.

No entanto, os calçados masculinos subiram, sendo que os tênis estão quase 15% mais caros e o sapato social cerca de 7,2%.

As famílias que gostam de passar a data almoçando em um restaurante vão desembolsar uma quantia maior, já que comer fora de casa teve alta de mais de 5% na comparação com 2016.

*Informações do repórter Anderson Costa