Compras com cartão no exterior serão cobradas pelo câmbio do dia a partir de domingo

  • Por Jovem Pan
  • 28/02/2020 06h21 - Atualizado em 28/02/2020 08h14
Agência BrasilAtualmente, o valor a ser pago na fatura é definido no dia do fechamento e ainda pode sofrer variação no intervalo até a data do pagamento

A partir do dia 1º de março, gastos feitos com cartão de crédito no exterior serão cobrados de acordo com a cotação do dólar equivalente ao dia da transação — e não mais conforme a taxa de câmbio baseada no dia do fechamento da fatura. A nova regra foi definida pelo Banco Central no final do ano passado e deve evitar os sustos na hora de pagar as contas.

A opção de travar a taxa cambial para que as despesas sejam pagas conforme a cotação da data da compra não é uma novidade e já estava autorizada pelo BC desde 2016, mas poucos bancos repassavam esta possibilidade aos consumidores.

O economista, André Perfeito destaca que esta medida garante mais eficiência e previsibilidade. “Quando você faz uma decisão de compra, você faz isso venod o preço. As vezes você precisa comprar sem saber o preço. Então a medida traz mais previsibilidade. Vai trazer capacidade das pessoas tomarem a decisão de fazer uma compra de forma mais consciente.”

Atualmente, o valor a ser pago na fatura é definido no dia do fechamento e ainda pode sofrer variação no intervalo até a data do pagamento — para mais ou para menos, sendo que esta diferença e computada na fatura seguinte.

Vale lembrar que as despesas feitas no exterior com cartão de crédito sofrem incidência de 6,38% no valor da transação referente ao IOF.

*Com informações do repórter Daniel Lian