Contribuinte pode ajudar instituição social ao declarar IR; prazo termina nesta terça (30)

O prazo termina nesta terça-feira (30), às 23h59

  • Por Jovem Pan
  • 30/04/2019 06h52
Marcelo Camargo/Agência BrasilA pessoa física que faz a declaração completa pode destinar 3% do valor devido ou aumentar a restituição para os Fundos de Direitos da Criança e do Adolescente

Contribuintes que ainda não entregaram a declaração do imposto de renda têm a chance de ajudar uma instituição social sem gastar um centavo. Isso porque a pessoa física que faz a declaração completa pode destinar 3% do valor devido ou aumentar a restituição para os Fundos de Direitos da Criança e do Adolescente.

A possibilidade foi criada em 1990 no âmbito do Estatuto da Criança e do Adolescente. Os fundos municipais e estaduais recebem o dinheiro e o contribuinte pode escolher qual instituição quer ajudar, desde que esteja cadastrada na Receita Federal.

A coordenadora na área de fomento do Itaú Social, Melina Duarte, explicou que os recursos arrecadados são destinados à promoção do desenvolvimento de crianças e adolescentes: “a gente acredita que utilizar esse mecanismo fiscal é ato de cidadania onde a gente consegue ver onde vai parte do nosso imposto de renda e acompanhar as ações que são realizadas”.

Mais de cinco milhões de brasileiros ainda não entregaram a declaração do imposto de renda 2019.

O prazo termina nesta terça-feira (30), às 23h59. Os contribuintes que perderem o prazo poderão pagar uma multa que varia de R$ 165 a até 20% do imposto devido.

*Informações da repórter Natacha Mazzaro