Criminosos transformam estações do BRT em pontos de vendas de drogas

  • Por Jovem Pan
  • 30/05/2018 08h38 - Atualizado em 30/05/2018 08h38
RAFAEL KHALID/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOTraficantes de bairros de Campo Grande e Madureira expulsaram a segurança e transformaram as estações em ponto de venda de droga

Traficantes do Rio de Janeiro aproveitaram a greve dos caminhoneiros para tomar conta de estações do BRT, localizadas principalmente na zona oeste da capital. Como os últimos dias faltou combustível para abastecer a frota, o BRT não funcionou integralmente. As Estações ficaram apenas com a segurança que anda desarmada.

Traficantes de bairros de Campo Grande e Madureira expulsaram a segurança e transformaram as estações em ponto de venda de drogas e também ponto de vans. Vans, que são exploradas no Rio de Janeiro, muitas das vezes por traficantes e até mesmo milicianos. Quem tenta se aproximar das estações é ameaçado pelos bandidos e pelos criminosos.

Por isso, na última terça-feira (29),  o secretário da Casa Civil do município, Paulo Messina, pediu ajuda às forças de segurança para retomar o controle dos BRTs. “Está impossível operar. A concessionária tem sua segurança patrimonial, mas precisamos de segurança pública e do socorro do estado”, declarou Messina.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga