Delator diz que PM e ex-PM estavam no carro usado na morte de Marielle

  • Por Jovem Pan
  • 10/05/2018 10h20
ReproduçãoCarro perseguiu veículo onde estavam Marielle e seus assessores no Rio em 14 de março

Um delator do caso Marielle disse que dentro do carro do qual foram disparados os tiros contra a ex-vereadora estavam um ex-policial e um policial militar do batalhão de Olaria, na zona norte do Rio de Janeiro.

A dupla estaria com dois outros homens no Cobald prata utilizado na execução. A testemunha acusa os supostos assassinos de serem ligados ao miliciano Orlando Oliveira de Araújo, o Orlando de Curicica, que atua na Zona Oeste.

Além de Marielle Franco (PSOL) foi morto o motorista Anderson Gomes.

Essa é a mesma testemunha que envolveu o vereador Marcelo Siciliano (PHS) no caso. Ele negou envolvimento no crime e disse ser amigo de Marielle.

Assista às notícias do Rio com o repórter Rodrigo Viga: