DF inicia utilização de CRLV Digital; até o fim do ano, tecnologia estará em vigor em todo o País

  • Por Jovem Pan
  • 28/08/2018 06h50 - Atualizado em 28/08/2018 07h28
Divulgação/Ministério das CidadesO CRLV digital tem o mesmo valor legal do documento de papel, que continua tendo sua emissão obrigatória

Motoristas de Brasília, no Distrito Federal, podem passar a usar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, ou seja, o documento do veículo, em versão digital, desde segunda-feira (27).

A tecnologia foi anunciada em dezembro do ano passado e será adotada pelo Detran em todo o Brasil gradualmente até o final deste ano, começando pela capital federal.

O Detran de cada Estado será responsável por determinar se haverá ou não cobrança de taxa adicional para o documento digital.

No Distrito Federal não há cobrança, mas apenas pode obter a novidade os veículos que estiverem com o licenciamento 2018 pago.

O ministro das Cidades, Alexandre Baldy, explicou que o propósito de digitalizar o documento é de simplificar e trazer transparência.

O CRLV digital tem o mesmo valor legal do documento de papel, que continua tendo sua emissão obrigatória. Será possível acessar o documento digital por um aplicativo gratuito para smartphones.

O usuário também poderá integrar a CNH digital, que já é habilitada em todo o Brasil, além do Seguro DPVAT.

Vale ressaltar que, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, o motorista que for parado sem o documento – impresso ou digital – comete infração gravíssima e pode receber multa de R$ 293,47, sete pontos na carteira, além de ter o veículo apreendido.

*Informações do repórter Fernando Martins