DHPP irá investigar caso de idosa encontrada morta dentro de casa na zona leste de SP

  • Por Jovem Pan
  • 16/08/2017 06h09 - Atualizado em 16/08/2017 11h56
Peritos do Instituto de Criminalística foram chamados e não observaram nenhum sinal de violência no corpo da idosa, mas havia manchas de sangue na escada

Idosa é encontrada morta em residência na região da Penha, Zona Leste de São Paulo. O corpo de Shiguemi Tomita, de 82 anos, foi encontrado no início da noite desta terça-feira (15) por duas sobrinhas, as irmãs Meire e Márcia da Silva.

A idosa residia em um sobrado, localizado próximo à Avenida Amador Bueno da Veiga, na Vila Salete. Segundo a Polícia Civil, as sobrinhas não tinham notícias da vítima havia uma semana e, desconfiadas de que algo tivesse acontecido, foram até a casa.

Quando chegaram, Meire e Márcia encontraram o portão aberto e a porta encostada, sem nenhum sinal de arrombamento. Mas assim que entraram no imóvel, acharam os cômodos revirados e, na sequência, o corpo da tia, no andar de cima, sobre a cama, já em estado de decomposição.

Peritos do Instituto de Criminalística foram chamados e não observaram nenhum sinal de violência no corpo da idosa, mas havia manchas de sangue na escada.

O caso foi registrado no 10º Distrito Policial, da Penha, como “morte a esclarecer” e vai ser investigado pelo DHPP, o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.

*Informações do repórter Paulo Édson Fiore