Doria e Tebet enaltecem moderação de Emmanuel Macron; Ciro comemora ‘derrota da extrema-direita’ na França

Pré-candidatos à presidência da República parabenizam o francês pela reeleição: ‘Vitória da democracia’

  • Por Jovem Pan
  • 25/04/2022 08h34
EFE/EPA/GUILLAUME HORCAJUELO Emmanuel Macron A vitória de Emmanuel Macron repercute na política internacional e traz reflexos ao Brasil

A vitória de Emmanuel Macron repercute na política internacional e traz reflexos ao Brasil, com pré-candidatos à presidência da República parabenizando o francês pela reeleição. O ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB), está entre os que comemoraram a vitória e “rejeição do extremismo” na França. “A conquista de Macron é a vitória da democracia. É a rejeição ao extremismo. É a conquista do voto pela esperança de um futuro promissor para a nação francesa. Um triunfo do equilíbrio e do compromisso pelo progresso do país, sem radicalismos. Parabéns à França e ao seu povo!”, afirmou, em mensagem compartilhada nas redes sociais. Simone Tebet (MDB) também ressaltou a vitória de Macron dizendo “salve a democracia, a moderação e o diálogo. “O Brasil também precisa disso”, afirmou a pré-candidata. Por sua vez, Ciro Gomes (PDT) comemorou a derrota da extrema direita. “Ver a extrema-direita derrotada será sempre motivo de alegria. Maior alegria ainda será vê-la definhar e o embate democrático se dar com menos polarização e mais qualidade. No Brasil, na França e em todo o planeta”, escreveu.

*Com informações da repórter Carolina Abelin