Doria quer privatizar rios Tietê e Pinheiros para despoluí-los

  • Por Jovem Pan
  • 11/07/2018 11h45
Johnny Drum/Jovem PanPré-candidato do PSDB, João Doria participa de sabatina no Jornal da Manhã da Jovem Pan nesta quarta

O ex-prefeito e pré-candidato ao Governo do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), propõe conceder à iniciativa privada a exploração do transporte pelos rios Tietê e Pinheiros em troca de sua despoluição.

“Temos um projeto que está sendo estudado, um bom grupo de trabalho. O caminho é esse mesmo, é o caminho pela privatização e pela concessão”, afirmou Doria em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã da Jovem Pan nesta quarta-feira (11).

“Hoje é possível, com a tecnologia sul-coreana, alemã e japonesa, você dar a exploração do rio Tietê e rio Pinheiros em contrapartida de sua despoluição”, disse o tucano, destacando o potencial de dois dos maiores rios que cortam a capital paulista e outros municípios como “vias de transporte de cargas, de passageiros, turístico”.

“Os terminais implantados também poderão ser explorados de forma privada”, sugeriu também Doria. Para isso, as empresas que concorreriam ao possível edital teriam de fazer “investimentos pesados em programas de saneamento e recuperação dos rios”.

O ex-prefeito também sugere uma “ação conjunta com os municípios como Guarulhos, cujos dejetos e esgotos são lançados no rio Tietê”.

Doria reconhece que alcançar a despoluição dos rios requer um “investimento gigantesco”.

“Tudo indica que esse investimento seja feito pelo setor privado em contrapartida por um número de anos, 30 a 35 anos, na exploração e na concessão do custo da utilização do rio pinheiros e do Rio Tietê para transporte de carga, passageiros, turismo e terminais”, resumiu.

“Será prioridade do governo a despoluição do rio”, prometeu o pré-candidato.

Veja a entrevista completa de João Doria Jr. na Jovem Pan: