‘São Paulo brilhou em Davos’, diz Doria ao citar R$ 17,2 bi em investimentos após participação

  • Por Jovem Pan
  • 24/01/2020 09h15 - Atualizado em 24/01/2020 10h27
Flickr/Governo do Estado de São Paulo“É um resultado excepcionalmente bom para São Paulo. Onde você coloca investimento, você coloca emprego”, afirmou o governador

O governador de São Paulo, João Doria, avaliou como muito positiva a participação de sua administração no Fórum Mundial Econômico em Davos. Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã desta sexta-feira (24), ele afirmou que seis grandes empresas firmaram compromissões de investimentos que somam  R$ 17,2 bilhões. 

“É um resultado excepcionalmente bom para São Paulo. Onde você coloca investimento, você coloca emprego”, afirmou.

As empresas se concentram na área de infraestrutura , energia e serviços. São elas: Bracell, Nell Energia, Enel, Acciona, Procter & Gamble e Pepsico. Os investimentos serão realizados ao longo dos próximos quatro anos. 

“Nós fizemos 34 encontros no Fórum, 10 a mais do que ano passado onde já estive como governador. São encontros objetivos, não tem tempo para bobagem”, disse. “São Paulo está muito bem na comunidade internacional. Graças a uma política liberal de economia que tivemos nesses 12 meses. São Paulo brilhou em Davos.” 

Fiação subterrânea

Questionado sobre a possibilidade desses investimentos possibilitarem o enterramento da fiação elétrica de São Paulo, uma vez que uma das empresas é a responsável pela distribuição de energia na cidade, Doria afirmou que o presidente mundial da Enel fez o anúncio de utilizar US$ 200 milhões nessa iniciativa nos próximos 3 anos. 

“O dinheiro será utilizado para a instalação de fibra ótica e eliminação de fios e postes. O grande beneficiário será a população”, disse.

Apesar disso, o governador explicou que alguns fios podem “sobrar” nos postes pela cidade, pois as operadoras de TV a cabo utilizam os postes.