Doria sobe o tom e provoca petistas ao dizer que tem ficha limpa

  • Por Jovem Pan
  • 23/08/2018 06h15 - Atualizado em 23/08/2018 08h12
Rogério Marques/Estadão Conteúdo Sobre as eleições, Doria afirmou que pretende usar o horário eleitoral para convencer os indecisos

O candidato ao governo do Estado de São Paulo João Doria (PSDB) subiu o tom contra o PT e disse que, ao “contrário de políticos petistas, ele tem ficha limpa”.

O ex-prefeito de São Paulo participou, nesta quarta-feira (22), de um comício na Zona Norte da capital paulista e prometeu retomar a construção da Linha 6-Laranja do Metrô que vai atender bairros da região.

Pesquisa divulgada nesta quarta (22) pelo Instituto Datafolha aponta que o tucano lidera a corrida ao Palácio do Bandeirantes com 25% das intenções de voto, seguido por Paulo Skaf (MDB) com 20%.

Doria afirmou que pretende usar o horário eleitoral para convencer os indecisos: “há uma quantidade enorme de indecisos ainda, quase 40%. Os debates ajudam, mas o que permite nível de conhecimento é o horário eleitoral gratuito”.

No meio do discurso, o tucano desceu do palco da escola de samba Rosas de Ouro e continuou a falar no meio dos militantes. Ele disse que, quando foi prefeito de São Paulo beneficiou os mais pobres.

Nesta quinta-feira (23), o candidato vai se encontrar com representantes de uma igreja evangélica, visitar uma obra na Zona Sul de São Paulo e, ainda concederá entrevistas a emissoras de rádio.

Confira a cobertura completa das Eleições 2018

*Informações do repórter Afonso Marangoni